Queda de idosos – Por que os números aumentam cada vez mais?

Com o aumento da expectativa de vida proporcionado por avanços médicos e tecnológicos, idosos podem viver por longos anos com saúde e qualidade de vida. Porém, quanto mais avançada a idade, mais frágeis eles se tornam. Alterações nos sistemas visual, neurológico e muscular são inevitáveis com o passar dos anos, e esses fatores, entre outros, acabam contribuindo para um quadro alarmante:...

A revolução tecnológica auxiliando o idoso

O aumento na expectativa de vida provoca, consequentemente, maior demanda por serviços especializados em cuidados e assistência na rotina de idosos. A tecnologia das máquinas que substituem seres humanos em muitas tarefas ainda tem muito a evoluir, mas as expectativas para um futuro próximo são grandes. Por outro lado, tecnologias já existentes comprovadamente facilitam a vida e proporcionam segurança para os...

Por que a saúde pública gasta tanto com acidentes entre idosos?

Obstáculos como calçadas irregulares, passeios quebrados, lixos amontoados, degraus muito altos e postes no meio do caminho são fatores agravantes para o risco de quedas de transeuntes nas ruas, especialmente quando falamos de idosos. Com a saúde já fragilizada pela idade avançada, muitos acabam sofrendo acidentes ao circular pelas vias. Não faltam exemplos de situações que poderiam ter sido evitadas com...

Como as nossas cidades dificultam o envelhecimento ativo?

A população está envelhecendo. Estima-se que, até 2031, os idosos serão a maior parte da população brasileira. Esse aumento na expectativa de vida reflete em novas necessidades apresentadas pelo público idoso, que está cada vez mais ativo e ocupando vias e espaços públicos das cidades. Porém, a maior parte desses espaços não possui infraestrutura adequada para esse público, principalmente nas grandes metrópoles. São necessárias...

Abandono de idosos: OAB discute medidas

O abandono de idosos foi tema de discussão no Fórum da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) realizado no final de outubro. Na ocasião, foram abordados temas como Políticas Públicas e convivência com idosos acamados. A presidente da Comissão de Defesa de Direitos da Pessoa Idosa, Lenieverson Santana, destacou a importância do debate sobre o assunto, tendo em vista que...
Tire suas dúvidas