Cuidados com idosos no inverno

Incidência de doenças respiratórias, entre outras relacionadas às baixas temperaturas, aumenta significativamente nessa época do ano. Idosos compõem o grupo de maior risco. 

O inverno chegou e, com ele, as variações na temperatura que abalam até o mais saudável dos sistemas imunológicos. Entre os idosos, que possuem o organismo mais frágil e são, portanto, mais suscetíveis às doenças típicas dessa época – gripes, resfriados, alergias e, agora, o coronavírus que circula em todo o mundo, é ainda mais importante que se tenha os devidos cuidados com a saúde. 

Além do risco para infecções causadas por vírus e outros microorganismo que circulam com mais frequência nessa época, o frio também provoca aumento na incidência de dores crônicas, provocadas por doenças como a artrose, e da hipotermia, que ocorre quando a temperatura do corpo fica abaixo dos 36,8 graus e acaba causando quadros como fraqueza, fadiga e imobilidade.  Por isso, listamos algumas dicas de cuidados  para manter os idosos saudáveis durante o inverno:

3 formas de cuidar dos idosos no inverno: 

#1 Manter os exames em dia e tomar a vacina da gripe 

Com a pandemia de Coronavírus que estamos enfrentando, muito tem se falado em cuidar da imunidade. Além de manter hábitos saudáveis, é importante que os idosos visitem o geriatra e realizem exames com frequência, a fim de identificar possíveis patologias e tratá-las imediatamente. Também é importante que os idosos sejam imunizados contra a gripe, pois contrair esse vírus faz com que a imunidade seja seriamente afetada, abrindo caminho para outras doenças. Evitar ao máximo internações hospitalares é essencial nesse momento. 

#2 Aquecer o corpo

A temperatura corporal deve ser mantida entre 36ºC e 37ºC. É importante que o idoso use roupas quentes, protegendo principalmente o pescoço, cabeça, mãos e pés. Também é fundamental evitar choques térmicos, ao entrar e sair do banho, por exemplo. O ideal é tomar banho nas horas mais quentes do dia e vestir-se imediatamente. Consumir bebidas e alimentos quentes também auxilia a manter a temperatura do corpo. Sopas e caldos de legumes, além de manter o idoso aquecido, proporcionam vitaminas essenciais para a manutenção da imunidade. 

#3 Movimentar-se 

Exercícios físicos são essenciais em qualquer idade. Além de auxiliar no combate a doenças, estimulam a circulação sanguínea e o relaxamento dos músculos, que tendem a ficar  mais contraídos com o frio. Para quem gosta de atividades ao ar livre, a dica é escolher horários de clima mais confortável, como final da manhã e o início da tarde, sempre protegendo-se da exposição excessiva ao sol. Também é possível fazer exercícios de casa, como alongamentos e pequenas caminhadas. O importante é manter a disciplina e a constância. 

Seguindo essas dicas, fica bem mais fácil de garantir que o seu familiar idoso estará seguro e confortável nesse inverno. 

Você sabia que é possível monitorar a rotina de seu familiar idoso mesmo sem estar presente, proporcionando ainda mais segurança para ele? Os  sistemas de monitoramento pessoal da Tecnosenior são a ferramenta ideal para auxiliar o idoso e a família em caso de emergência. Saiba como funciona esse serviço conhecido como Vidafone clicando aqui.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *