Evento auxilia idosos em uma vida mais ativa

Promover a prática de atividades físicas e de lazer entre idosos foi a motivação para a realização do  evento “Melhor Idade em Movimento”, realizado em novembro pelo Departamento de Lazer da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Volta Redonda e estudantes de Educação Física da UniFOA, no estado do Rio de Janeiro. Esportes com bola, dança, boliche e até karaokê foram algumas das atividades propostas para os participantes. Ações como essas são extremamente benéficas para o público idoso, pois, além de colocar o corpo em movimento, essencial para a manutenção da saúde física e motora, é um momento de interação com os jovens voluntários e outros idosos, o que melhora a qualidade de vida e afasta quadros de estresse e depressão.

A importância do lazer na obtenção de melhor qualidade de vida 

Entre tantas preocupações com a saúde e o bem estar do idoso, como controle de doenças e alimentação e hidratação adequadas, por exemplo, ou mesmo pensando em poupá-lo de maiores esforços, é comum que o lazer seja deixado em segundo plano ou até abandonado.  Às vezes, é a própria pessoa que acredita que, por estar mais velha e mais limitada, não tem mais o direito de se divertir. Esse é um grande erro, pois atividades que exercitem corpo e mente, na medida do possível e respeitando os limites de cada um, podem trazer incontáveis benefícios para a saúde. 

Eventos como o “Melhor idade em movimento”, onde os idosos têm a oportunidade de conhecer e conviver com outras pessoas, compartilhar momentos de alegria e criar memórias felizes têm, além de todos os benefícios já citados, o poder de afastar pensamentos negativos e doenças como a depressão e o estresse, tão comuns e perigosos nessa fase da vida. Só a depressão atinge atualmente cerca de 15% da população idosa que convive com a família e está inserida na sociedade, ou seja, não basta estar presente fisicamente, é preciso proporcionar aos idosos momentos que os façam sentir vontade de viver. 

Vidafone: Segurança para seu familiar idoso durante atividades de lazer

É natural que a família tenha receio que o idoso acabe se machucando ou sofrendo algum incidente durante a prática de atividades como jogos  com bola e dança, que envolvem uma certa aptidão física. Além disso, nem sempre é possível acompanhar o idoso nessas atividades, já que a rotina dos filhos e netos costuma ser atarefada. Diante disso, uma solução que pode garantir o atendimento imediato a qualquer momento do dia ou da noite, dentro ou fora de casa, é o Sistema de Emergência pessoal chamado Vidafone.

Funciona assim: O idoso usa um botão de emergência junto ao corpo, geralmente como pingente ou pulseira, e pode acioná-lo quando estiver em situação de perigo. Uma chamada telefônica é realizada e um atendente especializado irá se comunicar com ele através de uma central disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana. A família será imediatamente comunicada e, dependendo da gravidade da situação, outras medidas serão tomadas, como acionar serviços médicos. O Vidafone é uma forma de garantir a segurança do idoso com agilidade e eficiência, e é recomendável que seja usado mesmo quando o usuário estiver entre outras pessoas.

Quer saber mais sobre como o Vidafone pode  ajudar o seu familiar idoso a ter uma rotina com mais liberdade e independência? Fale conosco clicando aqui

Compartilhar
Tire suas dúvidas