Primeiros Sintomas de Alzheimer

Doença atinge cerca de 11% dos brasileiros com mais de 65 anos. Fique atento aos primeiros sintomas!

A doença de Alzheimer é uma variação da demência caracterizada pelo declínio das funções cognitivas de forma lenta e progressiva que em seus estágios mais avançados compromete as funções de memória, atenção, linguagem e orientação. Segundo o Ministério da Saúde, acomete cerca de 11% dos idosos brasileiros.

O primeiro sinal de alerta deve ser  ligado quando o idoso apresentar falhas na memória e na cognição.Depois surgem problemas na mobilidade e raciocínio, até a incapacidade total para exercer atividades cotidianas simples, como comer, vestir-se lembrar de coisas simples do dia-a-dia, como até mesmo o próprio nome. 

 

Alzheimer e perda de memória 

A perda de memória é o sintoma mais característico da doença. Isso porque ela é um dos sinais mais aparentes nos estágios iniciais do Alzheimer e que vão se intensificando com o desenvolvimento da doença. O maior problema é que esse sintoma pode acabar prejudicando ainda mais a saúde do idoso, pois, dependendo da situação, um simples esquecimento pode causar um grande transtorno.

 

Iniciativas que podem tornar a vida da pessoa portadora de Alzheimer mais confortável

Existem formas de prevenir possíveis  inconvenientes e preservar a saúde dos pacientes.Conheça alguns  produtos desenvolvidos para garantir a segurança dos usuários:

 

Vidafone móvel: Para monitorar o idoso em tempo integral 

Um comportamento frequente entre os pacientes de Alzheimer, proveniente do esquecimento, são as “fugas”,  que acabam os colocando em risco, pois ficam perdidos, sem saber para onde ou porque estão indo. Em algumas situações eles acabam desaparecendo e encontrá-los se torna um verdadeiro desafio, já que, caso sejam abordados, dificilmente conseguirão se identificar ou lembrar onde moram.

O sistema de monitoramento pessoal Vidafone móvel  funciona através de um botão de emergência usado junto ao corpo e permite o usuário se comunicar com uma central de atendimentos em caso de emergência. Além disso, é possível em qualquer lugar com sinal de celular, graças à função de GPS.  O aparelho leve e discreto ainda possui um sensor de quedas que ativa o sistema automaticamente em caso de incidente. 

 

Vidafone fixo: Segurança dentro de casa 

O Vidafone também possui uma versão fixa, que funciona dentro de casa ligado 

à linha telefônica fixa. Com a mesma função de botão de emergência, essa versão do serviço ainda pode ser conectada a acessórios que auxiliam na segurança do usuário, como por exemplo o Sensor de Fumaça, que aciona automaticamente o sistema no caso de uma possível ocorrência de princípio de incêndio que pode ser ocasionada pelo esquecimento de uma panela no fogão, por exemplo. 

 

Dispensador de medicamentos: Para não perder a hora 

Para os idosos que tomam muitos remédios e correm o risco de esquecê-los em determinados horários, indica-se o Dispensador de Medicamentos automático. O dispositivo armazena as doses em compartimentos e, nos horários programados, emite sinais de alerta. Quando acionado, libera somente a dose programada para aquele horário, evitando erros na dosagem. 

Saiba mais sobre essas e outras soluções da Tecnosenior indicadas para idosos com Alzheimer. 








Compartilhar