Teleassistência

Pulseira para idosos

Saiba porque a pulseira para idosos é a melhor opção para proporcionar segurança para o seu familiar e veja como convencê-lo a utilizar o dispositivo!

Entre as formas de proporcionar segurança e bem-estar aos idosos, a teleassistência tem se destacado por ser uma opção comprovadamente eficiente, além de pouco invasiva e com excelente custo-benefício. Uma das opções disponíveis do serviço, a pulseira para idosos, tem conquistado muitos adeptos justamente por tratar-se de um acessório discreto, leve, cômodo e muito eficiente para quem busca segurança com apenas um toque.

A pulseira para idosos acompanha o kit do Vidafone Fixo. Ele consiste no serviço completo de cuidados com idosos. O Vidafone inclui:

– o botão de emergência que fica acoplado à pulseira (ou seja, junto ao corpo do idoso);

– um console com alto-falante que funciona ligado à linha telefônica fixa e serve para realizar uma chamada de emergência;

– o serviço de uma Central de Atendimento disponível 24 horas por dia, sete dias por semana, para receber essa chamada, conversar com o idoso, entender qual é a ocorrência e, assim, avisar os contatos de emergência do idoso.

Como funciona a pulseira para idosos?

Conforme mencionamos acima, o funcionamento é muito simples. Caso ocorra alguma emergência, como uma queda, mal-estar, tontura, ou qualquer imprevisto com o seu familiar, basta que ele simplesmente aperte o botão da pulseira para idosos. Em seguida, será feita a chamada para a Central de Atendimento, que conta com profissionais treinados para o atendimento e que realizarão todas as etapas do plano de ação contratado.

Como convencer meus pais a usarem a pulseira de emergência?

Cada vez mais os idosos tendem a querer mais independência e autonomia. Muitos preferem ficar em casa ao invés de mudar-se para a casa de filhos e familiares, por exemplo. Em contrapartida, os filhos temem pela segurança e pelo bem-estar deles, já que a velhice é uma fase da vida que costuma pregar peças com uma certa frequência, ainda mais quando o idoso passa muito tempo sozinho.

A pulseira para idosos permite que eles tenham autonomia e independência, com a liberdade de uma rotina normal e a segurança de conseguir chamar por socorro se necessário. Portanto, esse é um ponto que pode convencer os idosos: ressaltar que a pulseira existe justamente para que eles possam ter uma vida mais livre.

Outro ponto que costuma ser uma objeção frequente por parte de pessoas na terceira idade é a sensação de que estão sendo observados e controlados; e pior ainda se for por uma pessoa estranha – como um cuidador, por exemplo. O serviço do Vidafone acaba com esse problema, pois permite que o idoso possa chamar ajuda de forma automática, sem ter que recorrer a uma pessoa que passe o dia todo ao seu lado.

Por fim, mais um dos argumentos que costumam aparecer no momento de convencer os familiares a utilizarem a teleassistência é o fato de que eles “não querem incomodar ninguém”. A sensação de ser uma preocupação ou mesmo um fardo para os filhos e netos é comum na terceira idade. Com a pulseira de emergências, isso não ocorre porque os filhos não precisam manter uma vigilia constante do idoso (como fazer ligações durante o dia, por exemplo) e, no caso de emergências, quem fará o primeiro atendimento é a Central 24 Horas.

Melhor custo-benefício

Além de tudo isso, o custo conta muito na hora de escolher a forma de cuidado – principalmente quando o próprio idoso arca com esses custos. Nesse aspecto, o serviço de teleassistência também se destaca positivamente em comparação com outras opções. Comparando-se com a contratação de profissionais cuidadores e com Instituições de Longa Permancência (ILPIs), a pulseira para idosos é a opção com o melhor custo-benfício.

Para mais informações sobre a pulseira para idosos e outros serviços da Tecnosenior, entre em contato conosco da forma que preferir: através do e-mail contato@tecnosenior.com.br, pelos telefones 51 3018-6950 e 51 99998-0245, pela nossa página de contato ou, ainda, pelo WhatsApp 51 99998-0257.

Continue Reading
Pulseira de pânico para idosos

Saiba como a pulseira de pânico para idosos pode ser sua aliada no cuidado com seu familiar

Quem conta com um familiar idoso, provavelmente tem uma constante preocupação com o bem-estar e a segurança dele. Devido às circunstâncias impostas pela idade avançada, como uma maior fragilidade do corpo e da mente (natural nessa fase da vida) somada à outros fatores, é normal que surja essa preocupação. A pulseira de pânico para idosos tem justamente a função de acionar socorro rapidamente em caso de emergência, garantindo, ao mesmo tempo, autonomia e segurança.

Como funciona a pulseira de pânico para idosos?

Com um simples toque no botão SOS, seu familiar estará em contato com uma Central de Atendimento 24 horas. Nela, há profissionais especializados que realizarão o atendimento de acordo com a necessidade do usuário e do serviço contratado. No chamado plano de ação podem estar incluídas ações como contatar pessoas cadastradas, enviar ajuda especializada ou acionar um serviço de remoção que o idoso já possua.

Por ser discreto e leve, o acessório pode ser usado durante todo o dia sem atrapalhar em qualquer atividade que o idoso venha a realizar. Totalmente à prova d’água, a pulseira funciona inclusive durante o banho. A bateria de longa duração não precisa ser substituída, já que dura cerca de dois anos.

Por onde é realizada a chamada de emergência?

O botão SOS da pulseira de pânico para idosos funciona ligado a uma base conectada à linha do telefone fixo. Quando o botão é acionado, a chamada é automaticamente iniciada. O sistema avisa por voz, em português, que está realizando a ligação. A comunicação é feita pelo viva-voz da base, com alcance de até 300 metros. Ou seja, mesmo estando em outro cômodo é possível se comunicar com a Central de Atendimento.

Além disso, a base na qual a pulseira de pânico se conecta também é compatível com uma série de acessórios adaptáveis a cada situação, como sensor de movimento, sensor de queda, sensor de fumaça, entre outros.

Porque a pulseira de pânico para idosos é a melhor opção?

Livre de falhas humanas, a pulseira de pânico para idosos é uma opção tecnológica que proporciona tranquilidade e segurança no caso de você não poder estar sempre perto de seu familiar. Por isso, em muitos casos optar pela pulseira de pânico pode ser uma alternativa aos cuidadores especializados e às instituições de longa permanência, que implicam em perda de autonomia e mudança na rotina do idoso – o que não ocorre com a pulseira.

Além disso, a teleassistência (como é chamado todo o serviço que inclui o botão de emergência mais o atendimento especializado) é uma opção economicamente mais em conta e comprovadamente eficaz. Mas se preferir, você também pode optar por combinar os dois tipos de cuidado, garantindo ainda mais segurança para  o seu ente querido.

Para mais informações sobre a pulseira de pânico para idosos e outros produtos, entre em contato conosco através do e-mail contato@tecnosenior.com.br, pelos telefones 51 3018-6950 e 51 99998-0245, pela nossa página de contato ou, ainda, pelo WhatsApp 51 99998-0257.

Continue Reading
Mini localizador GPS portátil

Conheça o IGO: mini localizador GPS portátil que permite receber a localização do idoso a qualquer momento, em tempo real!

Indicado para pessoas idosas com rotinas ativas que costumam andar desacompanhadas com frequência, idosos com problemas de saúde que afetem a cognição (como o Alzheimer, por exemplo) ou que tenham histórico de quedas ou outros acidentes típicos da terceira idade, o mini localizador GPS portátil IGO é a opção ideal para proporcionar cuidado para quem você ama.

Como funciona o mini localizador GPS portátil?

O aparelho funciona através da tecnologia 3G, ou seja, pela linha telefônica móvel. Entre as funções principais, está o localizador GPS, que permite que até cinco contatos cadastrados recebam a localização do idoso em tempo real, via SMS. Além disso, é possível estabelecer cercas geográficas, que são áreas em que, caso o idoso entra/saia delas, o equipamento é acionado e alertará os familiares ou a Central de Atendimento 24 horas.

Botão SOS: peça ajuda em um clique

O  dispositivo ainda conta com um Botão SOS que permite ao idoso contatar a Central de Atendimento 24 horas ou os familiares cadastrados ao pressionar um botão, de acordo com o serviço contratado.

Botão de chamada: contate familiares de forma simples e rápida

O IGO também possui um botão de chamada que permite que ele funcione como um aparelho de telefone para idosos. Além disso, os contatos cadastrados também podem ligar para o IGO, que atende a chamada automaticamente.

Sensor de quedas: socorro mesmo nos casos mais graves

Através de sensores de queda, o aparelho funciona automaticamente em caso de acidente. Com bateria de longa duração e resistente à água, o IGO pode ser usado durante várias horas, garantindo a segurança do usuário em qualquer situação.

Compacto e leve, o acessório foi desenvolvido para ser usado junto ao corpo, como pingente, e também pode ser utilizado no chaveiro ou mesmo no bolso.

Por que escolher o mini localizador GPS portátil?

Entre as opções de serviços semelhantes disponíveis no mercado, o mini localizador GPS portátil é a que mais contempla as necessidades do usuário. A terceira idade é cheia de surpresas e imprevistos que podem ocorrer em qualquer lugar. IGO foi desenvolvido justamente para atuar nesse tipo de situação, proporcionando mais segurança, autonomia e tranquilidade.

Para saber mais sobre como o IGO pode lhe ajudar, fale conosco pela nossa página de contato, pelo e-mail contato@tecnosenior.com.br ou pelos telefones 51 3018-6950 e 51 99998-0245!

Continue Reading
Teleassistência emergencial para idosos

O serviço de monitoramento vem conquistando cada vez mais adeptos mundo afora. Mas, afinal, do que se trata a teleassistência emergencial para idosos?

A teleassistência emergencial para idosos visa proporcionar segurança para os idosos e tranquilidade para a família. Assim, ela permite que seu familiar tenha uma rotina normal – sem sentir que sua privacidade está sendo invadida nem que ele está sendo vigiado, por exemplo – com a certeza de que, se acontecer alguma emergência, estará amparado por profissionais capacitados e treinados para esse tipo de situação.

Como funciona o serviço de teleassistência emergencial para idosos?

Existem diversos produtos e serviços que podem ser contratados de acordo com a sua necessidade. Em geral, o usuário contará com um botão de emergência que pode ser usado junto ao corpo, por exemplo num pingente ou pulseira, garantindo, assim, que seja facilmente acionado no caso de necessidade. Quando acionado, o dispositivo fará uma chamada de telefone, que pode ser para os contatos de emergência pré-cadastrados (como filhos ou netos, por exemplo) ou para uma Central de Atendimento disponível 24 horas por dia, sete dias por semana.

O modelo do produto ideal deve ser escolhido de acordo com o estilo de vida e rotina de cada idoso. Basicamente, há duas opções:

– os PERS (Sistemas de Emergência Pessoal, na sigla em inglês) fixos, que funcionam ligados à rede fixa de telefone e são indicados para idosos que costumam passar mais tempo desacompanhados dentro da própria casa. Esse tipo de teleassistência emergencial para idosos realiza as chamadas de emergência para a Central de Atendimento 24 horas. Conheça o PERS 4200 – Sistema fixo de emergência pessoal.

– e os PERS móveis, que funcionam ligados à rede telefônica móvel, através da tecnologia GSM (chip de celular), e proporcionam o cuidado em qualquer lugar. Dependendo do produto e do serviço contratado, o aparelho realizará chamadas para uma Central de Atendimento 24 horas ou diretamente para números cadastrados previamente. Esses modelos são indicados para idosso que costumam sair bastante de casa e possuem vida mais ativaConheça o IGO – Sistema móvel de emergência pessoal.

Origem da teleassistência emergencial para idosos

O primeiro PERS surgiu nos anos 1970 a partir de uma observação de um médico americano que constatou que mais de 40% das pessoas internadas em hospitais nos EUA eram idosos. Além disso, constatou-se na mesma pesquisa que os idosos em geral preferem permanecer em suas casas do que mudar-se para a casa de filhos ou residências para idosos, por exemplo.

Então, em 1972, o Dr. Adrew Dibner desenvolveu a ideia de criar um sistema de emergência baseado na seguinte pergunta: “O que um idoso faria se estivesse sozinho e precisasse de ajuda?”.

Já nos primeiros testes do aparelho os resultados foram impressionantes. A primeira surpresa foi econômica: a cada dólar gasto com a teleassistência emergencial, se economizava cerca de sete dólares que seriam gastos com hospitais, medicamentos etc. Além disso, durante a utilização do PERS foi observada uma redução de 26% do tempo de permanência em hospitais.

No Brasil, a teleassistência emergencial para idosos vem se popularizando aos poucos. Novas tecnologias vêm sendo agregadas aos serviço e cada vez mais adeptos surgem em busca da segurança proporcionada pelo sistema comprovadamente eficaz.

Para mais informações, ligue para (51) 3018-6950.  Se preferir, você pode enviar um e-mail para contato@tecnosenior.com.br ou deixar uma mensagem em nossa página de contato.

Continue Reading
botão do pânico para idosos vidafone

Tenha a certeza de que seu familiar estará bem cuidado em qualquer situação com o botão do pânico para idosos

O Vidafone é um serviço completo de teleassistência que proporciona segurança e autonomia para seu familiar idoso. Com o botão do pânico para idosos que faz parte do serviço, ele ou ela pode ter uma rotina normal. Quando houver alguma emergência, basta o usuário acionar o dispositivo que imediatamente uma chamada será realizada para uma central de atendimento 24h. Então, os atendentes falam com o idoso e realizam o atendimento de acordo com a necessidade e gravidade da emergência, podendo ser de uma simples conversa até o contato com familiares ou acionar uma ambulância.

 Adaptável à rotina do idoso, o Vidafone está disponível em duas versões:

Vidafone fixo: botão do pânico para idosos que costumam ficar sozinhos em casa

O Vidafone fixo funciona com o sistema de emergência pessoal PERS 4200, onde o botão do pânico é utilizado junto ao corpo, como pingente ou pulseira. À prova d’água e com bateria de longa duração, ele é discreto e não atrapalha em nada nas atividades do dia-a-dia. O botão se conecta uma base (parecida com um telefone residencial) que fica ligada à linha telefônica fixa, por onde é realizada a chamada de emergência. O PERS 4200 possui sistema de viva-voz de longo alcance, ou seja, funciona mesmo se a pessoa estiver em outro cômodo da casa.

Saiba mais sobre o sistema de emergência do PERS 4200

Vidafone móvel: botão do pânico para idosos que costumam andar sozinhos na rua

Através do sistema do Mini GPS Para Idosos – IGO, o Vidafone móvel tem função semelhante ao fixo, com a diferença de que funciona através da linha telefônica móvel, com tecnologia GSM. Assim, o dispositivo permite saber localização do usuário através de GPS. Ele ainda tem botão do pânico e permite que o idoso fale por voz com números cadastrados (função de telefone para idosos). Assim como no Vidafone Fixo, quando o botão do pânico para idosos é acionado, uma ligação é realizada para a Central de Atendimento, que tomará as medidas necessárias.

Saiba mais sobre o sistema de emergência do IGO

Como funciona a contratação do serviço?

Assim que você escolher entre as modalidades disponíveis, os aparelhos são instalados e configurados no formato de comodato. O serviço consiste no aluguel do aparelho mais a contratação da Central de Atendimento que fica à disposição em tempo integral. Ou seja, trata-se de uma forma completa de cuidado para o seu familiar. Basta escolher o modelo que se adéqua à necessidade e à rotina da sua família.

Dessa forma, o idoso tem o aparelho que melhor se encaixa no dia a dia dele e os familiares têm a segurança de que as chamadas vão ser atendidas a qualquer momento e que eles serão contatados em casos de emergência.

Ficou interessado? Consulte informações através do e-mail contato@tecnosenior.com.br ou ligue para 51 3018-6950 | 51 99998-0245.

Continue Reading
pulseira sos para idosos

Conheça os prós e contras na hora de escolher entre contratar um profissional cuidador ou optar por uma pulseira SOS para idosos para cuidar seu familiar

Os pais vão ficando mais velhos e, assim, os filhos começam a se preocupar não apenas com o bem-estar, mas também com a segurança deles. Para os idosos que moram sozinhos, muitas vezes torna-se imprescindível a presença ainda mais frequente de filhos ou outros familiares e, em alguns casos, até mesmo em tempo integral. Porém, a rotina muitas vezes impede que isso aconteça.  E é nesse momento que as famílias acabam optando pela contratação de cuidadores, profissionais especializados no cuidado com idosos. Por outro lado, outras pessoas têm recorrido à tecnologia para proporcionar o cuidado necessário, através da pulseira SOS para idosos dos Sistemas de Emergência Pessoal.

Profissional cuidador X pulseira sos para idosos: afinal, qual a melhor opção?

Muitas pessoas ficam em dúvida na hora de escolher a melhor forma de proporcionar cuidado para o familiar idoso. Pensando nisso, listamos cinco dos principais fatores que devem ser considerados na hora de optar por alguma das alternativas. Analisando cada um, você descobre qual a melhor opção para garantir o bem-estar e a segurança de quem você ama!

Proporcionar atenção ao idoso

O cuidador é um ser humano. Carinho, atenção e afeto são coisas que só podem ser transmitidas de pessoa para pessoa. Por isso, além de cuidar da saúde e ajudar nas tarefas do dia-a-dia, o profissional pode reduzir uma possível solidão sentida pelo idoso. A pulseira SOS para idosos pode ser muito eficiente quando algo de errado acontecer, acionando o socorro, mas nesse ponto a tecnologia ainda não conseguiu avançar tanto.

Independência para o idoso

Grande parte dos idosos que optam por permanecer em suas residências o faz justamente porque estão acostumados a viver no seu espaço e não querem depender de outras pessoas no cotidiano. Alguns aceitam a presença dos cuidadores tranquilamente, outros já preferem manter a privacidade. Nesse aspecto, optar pela teleassistência com a pulseira SOS para idosos é a melhor escolha, já que ela não é invasiva e proporciona segurança sem afetar a autonomia e a indepenência do idoso.

Apoio em emergências

É frequente que pessoas idosas passem por situações emergenciais que exigem ações rápidas. Desde um passageiro mal estar até uma queda, certas ocorrências demandam socorro imediato. O cuidador de idosos profissional possui preparo para este tipo de emergência e realizará os primeiros socorros, além de chamar ambulância e avisar os familiares quando necessário. No entanto, momentos de distração podem acontecer, e além disso muitas vezes o cuidador não está presente 24 horas por dia no lar do idoso. Isso abre a possibilidade para acidentes noturnos e no banho, por exemplo, que são muito frequentes.

Já a pulseira SOS para idosos foi desenvolvida justamente para esse tipo de situação. Ela executará sua função rapidamente e livre de falhas humanas. Quando acionada, a pulseira contata imediatamente uma Central de Atendimento que fica disponível 24 horas por dia com profissionais preparados. Eles conversam com o idoso, analisam a emergência e agem de acordo com a situação (apenas acalmando o idoso, avisando familiares ou mesmo acionando o serviço de remoção do idoso, dependendo do plano de ação estabelecido). Além disso, a pulseira é à prova d’água, por isso funciona inclusive durante o banho.

Garantir o uso correto da medicação

As doses e horários das medicações precisam ser seguidos rigorosamente de acordo com instruções dos médicos, do contrário o paciente pode ter agravamento dos problemas de saúde. O cuidador de idosos pode auxiliar na hora de ministrar os remédios, mas a tecnologia também. Um dos acessórios opcionais do PERS 4200, o console com o qual a pulseira SOS para idosos funciona, é um dispensador automático de medicamentos que dispara um alarme e libera os medicamentos que foram programados para cada horário. E caso o idoso não realize o movimento para retirar o remédio, o dispensador volta a emitir o alarme. Assim não há risco de esquecimento ou confusão entre medicamentos.

Custo

Contratar um funcionário para cuidar dos seus pais pode ser, como já mencionado, além de uma solução para a questão da segurança, uma forma de evitar a solidão. Porém, essa alternativa costuma ter um custo elevado, especialmente quando o profissional trabalha o dia inteiro (o que é necessário para garantir esse cuidado integral). Já o serviço Vidafone Fixo – com o PERS 4200, a pulseira SOS para idosos e o serviço de atendimento da Central – tem um custo bem mais baixo e o serviço fica disponível durante as 24 horas do dia.

Qual opção escolher?

Como você viu, cada forma de cuidado tem suas características positivas, negativas e situações em que são mais adequadas. Portanto, se você precisa mesmo escolher entre uma solução ou outra, é fundamental entender quais são as necessidades do seu familiar idoso e, assim, optar por aquela que melhor serve a elas. Além disso, você também pode optar por combinar os dois serviços, mantendo o profissional cuidador por parte do dia e contando com o serviço de teleassistência quando ele não estiver presente. Essa é a forma mais eficiente de proporcionar segurança, tranquilidade e autonomia para o seu ente querido que está na terceira idade.

Quer saber mais? Contate-nos através do e-mail contato@tecnosenior.com.br, pelos telefones 51 3018-6950 e 51 99998-0245, pela nossa página de contato ou, ainda, pelo WhatsApp 51 99998-0257.

Continue Reading
Pulseira de monitoramento para idosos

Proporcione muito mais tranquilidade e segurança para seu familiar com a pulseira de monitoramento para idosos que avisa o socorro ao apertar de um botão!

Vivemos em constante evolução: medicina, tecnologia, costumes e modo de vida… E os idosos não ficam para trás. Com mais qualidade de vida e consequentemente mais saudáveis, muitos não abrem mão de morar sozinhos e cuidar da própria vida. No entanto, a segurança deles é motivo constante de preocupação entre os familiares. Nesses casos, a pulseira de monitoramento para idosos pode proporcionar tranquilidade e proteção.

Se é impossível tirá-los de casa e os filhos também não têm condições de migrar para a residência dos idosos, é preciso pensar em outras formas de garantir o bem-estar.  Uma opção é a contratação de cuidadores: profissionais especializados em cuidados com pessoas idosas, que ajudam, se necessário, nas tarefas do dia-a-dia e estão prontas para auxiliar quando necessário. Porém, essa alternativa costuma ter um custo elevado, especialmente quando o profissional trabalha o dia inteiro.

Outra alternativa que tem se popularizado é a teleassistência. Ela consiste em sistemas de emergência que podem ser acionados através de um botão SOS, como por exemplo a pulseira de monitoramento para idosos, e que avisam uma Central de Atendimento ou familiares de que o idoso precisa de ajuda.

Segurança e tranquilidade com a pulseira de monitoramento para idosos do PERS 4200

A pulseira de monitoramento para idosos do Sistema de Emergência Pessoal – PERS 4200 pode, através da linha fixa telefônica, acionar o socorro através de ligação para uma Central de Atendimento. Assim, seu familiar idoso estará assistido 24 horas por dia, com a autonomia e a liberdade de ter uma rotina sem interferências de pessoas estranhas no lar e com a segurança de poder pedir socorro com um simples toque no caso de alguma emergência. Além disso, a pulseira é à prova d’água, portanto funciona inclusive durante o banho.

Como funciona?

A pulseira de monitoramento para idosos possui um botão SOS. Ao ser pressionado, esse botão ativa o console do PERS 4200 que, por ser instalado na linha fixa de telefone, realiza uma chamada de emergência para uma Central de Atendimento 24 horas. O atendente fala com o idoso através do sistema de viva-voz de longo alcance do próprio console (e não pela pulseira). Após identificar qual é a situação, o atendente executa um plano de ação conforme o serviço previamente contratado: chamar ambulância, contatar médico, avisar familiares etc.

De fácil instalação e configurado com comandos em português, o aparelho ainda é compatível com até 16 acessórios adaptáveis de acordo com a necessidade de cada usuário: sensor de movimento, sensor de fumaça, sensor de CO2, entre outros. Tudo isso para garantir que seu familiar idoso esteja seguro enquanto realiza suas atividades rotineiras dentro do lar.

Pulseira de monitoramento para idosos exclusiva Tecnosenior

A Tecnosenior está há mais de seis anos no mercado da teleassistência e vem constantemente trabalhando para proporcionar a melhor experiência para sua família. Prova disso é que o PERS 4200 comercializado pela empresa conta com uma pulseira exclusiva: além de um design moderno e discreto, ela está mais leve e com um sinal de LED mais visível. Ou seja, é ainda mais conforto, segurança e comodidade para quem você ama.

Ficou curioso? Para mais informações sobre a pulseira de monitoramento para idosos e outros produtos, entre em contato conosco da forma que preferir: através do e-mail contato@tecnosenior.com.br, pelos telefones 51 3018-6950 e 51 99998-0245, pela nossa página de contato ou, ainda, pelo WhatsApp 51 99998-0257.

Continue Reading
alarme pessoal para idosos

Garantir o bem estar de quem amamos é fundamental. Saiba como dar muito mais segurança e autonomia para seu familiar com o alarme pessoal para idosos IGO!

A expectativa de vida vem aumentando nos últimos anos. Um dos fatores para que isso aconteça é o aumento da qualidade de vida dos idosos. Envelhecer não significa se tornar dependente e incapaz. Muito pelo contrário: cada vez mais os idosos possuem vidas ativas e movimentadas. Porém, é inegável que o corpo mais velho, mesmo quando é saudável, está mais exposto a incidentes. Por esse motivo, muitas famílias têm recorrido à tecnologia para proporcionar segurança sem invadir a privacidade nem reduzir a autonomia de seu ente querido.  Com uma série de recursos e funcionalidades, o alarme pessoal para idosos é uma ótima opção para monitorar o seu familiar idoso que costuma andar desacompanhado.

Alarme pessoal para idosos e Mini GPS IGO

Desenvolvido para funcionar como alarme de emergência para idosos e botão SOS, o Mini GPS IGO é a opção perfeita para garantir a tranquilidade da sua família.

Ele pode ser acionado através de um botão de emergência, quando necessário. Quando esse botão é acionado, uma ligação é realizada automaticamente para até cinco contatos cadastrados previamente. Ao mesmo tempo é enviado um SMS com a localização exata do usuário.

Compacto e leve, o acessório foi desenvolvido para ser usado junto ao corpo, como pingente. Além disso, ele ainda conta com outro botão capaz de realizar chamadas telefônicas, função semelhante a um telefone para idosos, ideal nos casos em que o idoso não se adapta a aparelhos modernos. O IGO também é resistente a água e possui bateria com duração de até 40 horas, dependendo do uso realizado.

Tecnologia GPS

 O alarme pessoal para idosos IGO funciona através da rede móvel de telefone, com tecnologia 3G, e também pode ser usado como gps para idosos. Por isso, como você já viu, quando uma ligação de emergência é realizada a partir do aparelho, a posição geográfica é enviada automaticamente para os números cadastrados, que pode ser visualizada no aplicativo de mapas do smartphone.

Além disso, é possível solicitar a posição do IGO de forma ativa. Ou seja, os familiares só precisam enviar um comando, via SMS, para o número do chip presente no IGO e ele enviará sua localização para contatos a qualquer momento. Por exemplo, se seu familiar é portador de doenças como Alzheimer ou Demência, existem grandes chances dele se perder e até esquecer como usar o aparelho. Com o alarme pessoal para idosos IGO você consegue localizá-lo facilmente.

Também é possível configurar cercas geográficas. Assim, os contatos serão informados quando e se o usuário entrar e sair de determinada área demarcada.

Sensor de Queda

No caso do idoso sofrer uma queda e ficar inconsciente, ou se o nervosismo causado pelo trauma fizer com que ele esqueça que há uma forma de pedir ajuda, o sensor de quedas do alarme pessoal para idosos IGO entra em ação e realiza a chamada automaticamente de emergência automaticamente.

Para saber mais sobre como o IGO pode lhe ajudar, entre em contato pela nossa página de contato, pelo e-mail contato@tecnosenior.com.br ou pelos telefones 51 3018-6950 e 51 99998-0245!

Continue Reading
Aparelho para idosos que moram sozinhos

Saiba como é possível proporcionar cuidado e segurança para seus familiares através de aparelho para idosos que moram sozinhos

Nos últimos anos, tem-se notado uma tendência de idosos que optam por permanecer sozinhos em suas residências durante a velhice. Até pouco tempo atrás, nessa fase da vida – que demanda mais cuidados e atenção ao bem-estar – o mais comum era que essas pessoas se mudassem para a casa de filhos ou parentes. No entanto, isso começa a mudar graças a alguns tipos de aparelho para idosos que moram sozinhos.

De acordo com o IBGE, cerca de 3 milhões de idosos vivem sozinhos atualmente no Brasil. O aumento da expectativa de vida relacionado à melhora nas condições de saúde na terceira idade pode ser um dos fatores que contribuem para que essa decisão seja tomada. Uma situação financeira confortável e independente também é um dos motivos, além da autonomia e da liberdade de ter a sua própria rotina. Ou seja, cada vez mais os idosos preferem e podem continuar vivendo em seus próprios lares.

Apesar disso, a segurança desses idosos é uma constante preocupação para familiares. Por mais saudáveis e lúcidos que sejam, é comum que nessa fase o corpo e a mente comecem a vacilar e preguem peças quando menos se espera.  O risco de acidentes como quedas, mal súbitos, tonturas, entre outros, é iminente e deve-se prestar redobrada atenção a isso. 

Por isso, muitas famílias optam por contratar cuidadores ou acompanhantes que monitorem a rotina do idoso e ajudem no que for necessário. Já outras famílias conseguem reorganizar sua rotina para que consigam estar presentes o máximo de tempo possível no cotidiano da pessoa na terceira idade. Porém, a realidade é que fatores como a falta de tempo, rotina de trabalho e responsabilidades pessoais nem sempre permitem que isso seja possível. É justamente aí que contar com um aparelho para idosos que moram sozinhos pode ser a solução.

Aparelho para idosos que moram sozinhos promete sanar necessidade de cuidado em tempo integral

Diante desse cenário, muitas famílias têm recorrido à tecnologia através de aparelho para idosos que moram sozinhos. Essa tecnologia, chamada Teleassistência, proporciona segurança para os idosos e tranquilidade para os familiares. Isso porque esses aparelhos são capazes de monitorar os idosos sem interferir na rotina deles. De fácil instalação e uso simples e eficiente, os dispositivos são ligados à linha telefônica fixa e podem ser acionados através de um botão SOS (no próprio aparelho ou, então, em uma pulseira ou pingente) quando ocorrer alguma emergência.

Um dos produtos mais conhecidos que oferecem essa tecnologia chama-se PERS 4200. Ele funciona conectado à linha fixa de telefone. Quando acionado, o PERS 4200 para uma central de atendimento 24h, que imediatamente entra em contato com o idoso através de um sistema de viva-voz de longo alcance, realizando o primeiro atendimento e tomando as medidas necessárias de acordo com cada situação. Ou seja: o idoso aperta o botão SOS, a central conversa com ele, identifica qual é a emergência e, então, age de acordo com o que foi previamente combinado com os familiares para socorrer o idoso.

Além disso, o PERS 4200 é compatível com diversos acessórios que complementam o cuidado, como sensor de presença, sensor de queda, detector de fumaça, dispensador de medicamentos, entre outros. Por isso, é uma solução completa que garante o cuidado e a segurança de seu familiar sem interferir na autonomia dele.

Para saber mais sobre o PERS 4200 e outros modelos de aparelho para idosos que moram sozinhos, você pode entrar em contato conosco pelo número (51) 3018-6950, enviar um e-mail para contato@tecnosenior.com.br ou deixar uma mensagem em nossa página de contato.

Continue Reading
botão do pânico para idoso

O botão do pânico para idoso é a solução ideal para garantir a segurança de idosos que costumam ficar sozinhos. Saiba mais sobre a essa tecnologia!

Também conhecido como botão de emergência ou botão SOS, o botão do pânico para idoso é, como o próprio nome sugere, um botão que pode ser usado junto ao corpo como pulseira, pingente ou chaveiro, por exemplo. A função básica do botão de pânico para idoso é a possibilidade do usuário chamar socorro rapidamente caso ocorra alguma emergência. Dependendo do modelo e do serviço contratado, uma central de atendimento especializada ou familiares cadastrados serão imediatamente avisados e colocados em contato com o usuário.

Existem diversos modelos no mercado, mas em geral todos compõem um Sistema de Emergência Pessoal (PERS, na sigla em inglês), que proporcionaa chamada teleassistência. Ela consiste em todo o serviço de atendimento ao idoso em caso de emergência (aluguel do equipamento + serviço de atendimento). Dois desses serviços se destacam:

– o PERS 4200, que funciona ligado à linha fixa de telefone, ideal para idosos que passam a maior parte do tempo dentro de casa;

– o Mini Rastreador Pessoal IGO, que funciona através da telefonia móvel (com um chip GSM, de celular) e é indicado para idosos que costumam andar desacompanhados na rua e têm vida mais ativa.

Botão do pânico para idoso ligado à linha fixa de telefone

O botão do pânico para idosos do PERS 4200 funciona por conexão sem fio com um console instalado na linha telefônica fixa, que fica na residência do idoso. O botão de emergência fica sempre junto ao idoso, sendo usado como pulseira ou pingente.  Pequeno e leve, ele pode ser usado durante todo o dia, inclusive durante o banho, já que é à prova de água.

Quando ocorre algum incidente ou o idoso se sente mal, entre outros imprevistos, basta ele apertar o botão que imediatamente é realizada uma chamada para uma central de emergência 24h. Assim, um atendente especializado irá se comunicar com ele (através do alto-falante de grande alcance do PERS 4200) e realizar o primeiro atendimento.  Dependendo da situação, o próximo passo pode ser contatar a família ou uma ambulância, por exemplo.

Além do botão do pânico para idosos, o PERS 4200 também é compatível com outros 16 acessórios, como sensor de fumaça, sensor de presença,  dispensador de medicamentos, entre outros.

Botão do pânico para idoso ligado à linha telefônica móvel

O botão do pânico para idoso do Mini Rastreador Pessoal IGO tem funcionamento muito semelhante ao do PERS 4200, mas com duas diferenças básicas:

– ele funciona ligado à linha telefônica móvel (com chip GSM), sendo ideal para o uso fora de casa;

– quando acionado, o IGO liga somente para números previamente cadastrados (familiares, por exemplo), e não para uma central 24 horas. Além disso, o dispositivo envia imediatamente um SMS com a localização do idoso para os números cadastrados.

O IGO possui diferentes funções, como sensor de queda, que detecta acidentes e realiza chamadas de emergência automaticamente. A tecnologia GPS, usada para enviar a localização do usuário, também funciona com a função de cercamento geográfico, que informa em tempo real quando o idoso entra ou sai de uma determinada área pré-estabelecida.  Além disso, o esse modelo de botão do pânico para idoso pode ser usado como celular, pois possui botão que realiza chamadas diretamente para os contatos cadastrados e também consegue receber ligações.

Para saber mais sobre o botão de pânico para idoso e os serviços de teleassistência, entre em contato conosco!

Continue Reading